Limitações – autoria: Aninha Martins

Spread the love
Aninha Martins (*)

Nada é por acaso, em tudo há uma razão de ser, creio eu.

Acredito nas forças do universo que regem nossas vidas. Somos sujeitos, o tempo todo, a passar por grandes dificuldades, intensas tristezas e grandes alegrias. Não acredito em livre arbítrio, temos um poder de escolhas, bastante limitado.

Tem situações em que ficamos como se tivéssemos algemados, onde nada ou quase nada podemos fazer. Em outros momentos, tudo flui, tudo se encaminha. Somos o que sentimos, pois este é nosso estado real.

Somos muito mais que regras impostas, que as metas estabelecidas e padrões discutidos para caminharmos em um mundo politicamente correto. Somos seres imperfeitos, diante do que nos cobram perante o universo social e perfeitos, perante nosso universo interior.

O sentimento nos comanda, não podemos mudá-lo, adaptá-lo, o que podemos fazer é usar a “razão” e camuflá-lo. Porém, ele continuará lá, dentro de nós. Ele não depende de nossas vontades racionais.

Também, acredito no poder transformador do tempo, pois ele se encarrega de colocar tudo no lugar certo e, acredito mais ainda, numa Força Maior que rege nossas vidas, a Força Divina. Essa nos ampara e nos conforta, nos ajudando nas travessias escuras da vida.

Nesse momento, turbulento e, ao mesmo tempo silencioso, é possível comprovar isso. Pensemos nisso!

Aninha Martins, de Ipu, Professora, Poetisa, Escritora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *