NOSSA VOZ, de Everton Mendes

As favelas são o quarto de despejo,

Aonde, jogados, muitos de nós passamos fome.

Vivemos em condições de descaso.

Um quarto onde o estado não intervém com melhorias.

Um quarto, onde somos expostos

Para o mundo com nossa igual desigualdade.

Onde a violência é base e a fome nosso maior monstro.

Quantos de nós já pensamos em partir!

Será que estamos esquecidos por Deus?

A fome nos faz menores e fracos para a luta,

Mas nossa voz tem que se fazer presentes para a mudança.

Até quando viverei assim,

Jogado em meu quarto de despejo?

Everton Mendes, da Associação de Escritores e Poetas de Guaraciaba do Norte,
aluno da Escola de Ensino Médio”Profª Maria Marina Soares”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *